Os carbonários

by

carbonarios2

” Nossa geração teve pouco tempo
começou pelo fim
mas foi bela nossa procura
mesmo com tanta ilusão perdida
quebrada,
mesmo com tanto caco de sonho
onde até hoje
a gente se corta

Alex Polari

Acabei de reler OS CARBONÁRIOS, de Alfredo Sirkis. Para nós que fomos jovens e estudantes universitários na década de 60 e vivemos a luta de uma parcela da juventude brasileira contra a ditadura militar, o livro traz muitas lembranças. Vamos dizer assim: traz tudo à tona novamente. Sentimentos contraditórios nos assaltam durante a leitura.

“Considerada a melhor história dos anos de chumbo, vencedora do prêmio Jabuti, a narrativa de Sirkis se refere a um período de 43 meses, entre outubro de 1967 e maio de 1971. Um relato sobre o movimento estudantil de 1968 e seu esmagamento pelo regime militar; como um jovem secundarista se torna um guerrilheiro urbano; o sequestro dos embaixadores da Alemanha e da Suiça e a liberdade de 110 presos políticos; as façanhas e os dilemas de carlos Lamarca; a crise e a destruição da guerrilha. Um testemunho real, eletrizante e cheio de suspense.” ( contra capa da edição BestBolso de Os carbonários)

Apesar de ser um texto para vender o livro, resume muito bem o que é a obra. Imprescindível para quem deseja compreender o período e os sonhos e aventuras dos jovens que o viveram.

Tags: , ,

3 Respostas to “Os carbonários”

  1. paulo roberto marques pereira Says:

    Prezado Alfredo Sirkis: Gostaria de que voce contasse, por que voce escolheu o nome OS CARBONÁRIOS, e se voce tem afinidade com os Bons Primos, e se voce é um Bom Primo, também quero saber. Gostaria de estreitar mais este argumento com voce; claro se voce achar por bem! Tenho algo a fazer no Rio, com fundar uma venda e se voce tiver conhecimento dentro dos fundamentos da Ordem Carbonária, gostria de saber a tua opinião. Um TFA. Não deixe de me responder. Sou seu fã!

  2. Antonio Morales Says:

    Paulo Roberto,
    Coloquei o post como leitor, mas não conheço o Alfredo Sirkis e não sei se ele vai aparecer por aqui para ver o post e seu comentário. Talvez possa procurar um e-mail dele na Internet e enviar seu comentário diretamente para ele. Creio que a chance de obter resposta seria muito maior! abs

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: