1968 por ai…

by

Tenho insistido com vários amigos para que publiquem, neste espaço, suas memórias sobre 1968. No caso de Mouzar, o pedido não chegou a ser feito. Antes dele chegou um livro que cabia inteiro em Arquivo68. Por isso, solicitei ao Mouzar autorização para divulgá-lo aqui.

 

A ilustração a seguir é a cópia da primeira capa do livro: 1968, por aí – Memórias Burlescas da Ditadura, de Mouzar Benedito. Ao lado dela, reproduzimos o texto da contra-capa. A leitura do que vem entre uma e outra é uma viagem divertida no tempo. É também um grande prazer.

 

Um dia, numa palestra de Ariano Suassuna, eu o vi e ouvi louvar a capacidade do brasileiro de gozar os ditadores e a ditadura. Foi assim no Estado Novo, foi assim de 1964 a 85. Sem menosprezar os sofrimentos das vítimas, a indignidade dos ditadores e seus sequazes, o heroísmo da resistência, é preciso ter humor. Ser contra a ditadura e manter a alegria, fazer piadas sobre ela, era uma coisa que incomodava “os homens”.

 

Ao achar no meio de um livro esta foto perdida há muito tempo, me vi nela com uma cara de enorme felicidade, apesar de estar desempregado e na lista negra dos patrões, por conta da militância na imprensa alternativa.

 

Ela não é o que parece. O ano era de 1978, já não havia guerrilha no Brasil. A espingarda é de chumbinho e a pose é só uma pose mesmo. Estava difícil sobreviver, mas não me entreguei.

 

Por tudo isso, apesar do narcisismo (com essa beleza toda?) de colocá-la na capa, acho que é merecedora de fazer parte de um livro sobre “os anos de chumbo”.

 

Mouzar Benedito

 

Tags: , , , , , , , , , , , ,

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: