Eu tenho um sonho

by

Não podia ver findar o mês de abril sem referir-me a dois acontecimentos importantes. O mês de abril de 68 viu calar uma voz que lutava pela igualdade entre os homens. Em quatro de abril, morreu Martin Luther King. Dele, postamos o seu mais famoso discurso em Páginas 19 – Eu tenho um sonho.

No mesmo mês, foi lançado um grito de liberdade no ar. Em 29/04/1968, acontecia, na Brodway, a estréia do musical Hair. Para recordar acesse, em http://www.youtube.com/watch?v=gM5dU-oKFes, uma cena do filme Hair. Nela, você encontrará um ícone daqueles tempos: a música The Age of Aquarius, com Donna Summer.

Tags: , , , , ,

6 Respostas to “Eu tenho um sonho”

  1. Jarbas Says:

    Alô Kuller,

    Lembro-me bem da versão brasileira do Hair. Lembro-me mais ainda de uma figurante de rara beleza que mereceu todos os meus olhares depois daquela cena antológica da dança de toda a troupe sob um imenso lençol. Sabem quem era ela? Sônia Braga no esplendor natural de seus dezenove anos. Quero uma máquina do tempo! Jarbas.

  2. José Antonio Küller Says:

    Jarbas

    Não tive o privilégio. Mas, como gostaria de tê-lo tido.

  3. antoniomorales Says:

    Há uma série de 05 vídeos no Youtube sob o título Bexiga Broadway sobre o teatro brasileiro na década de 60, com entrevistas e trechos de peças e outras informações. Enfim uma bela reportagem. Na parte 02 há uma parte dedicada ao Teatro Aquarius e à peça Hair. Imperdível.

  4. Novelino Says:

    Tonhão,

    Obrigado pela indicação do Bexiga Broadway.Todo mundo tem de ver. O que está lá é parte importante da nossa memória coletiva. E sem querer ofender a gerações que vieram depois: nossa turma era muito boa… Abraço, Jarbas.

  5. maristela Says:

    Oi, Kuller. Parabéns pelo seu consistente blog. Estou relembrando tanta coisa e aprendendo muito mais com todos os depoimentos que você reúne aqui. Quero, também, convidá-lo e a sua equipe a conhecer o meu blog hilarius1968, que busca mostrar este ano mítico pelo lado mais leve, contando de nossos costumes, nossos sonhos e tropeços, as imagens que nos envolviam e que gerávamos e, até, aquele traço mais ridículo que cada um de nós apresentava nesta transição importante do século passado.
    Está feito o convite. Aguardo vocês. Vou linkar seu blog também.
    Um forte abraço
    maristela

  6. José Antonio Küller Says:

    Maristela, aceitei seu convite e visitei seu blog. Ele é muito leve e gostoso de navegar. Vamos ver se aprendemos algo com você e, assim, tirar um pouco da sisudez do nosso blog. Vamos incluir, em Arquivo 68, um link para seu blog.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: